segunda-feira, 29 de junho de 2009

16- GANHEI MEU PAI: DESPEDIDA RELATIVA




Queridos amigos, ontem, dia 28 de junho de 2009 às 8:15h, ganhei meu pai.

Por saber que a Vida continua, não posso dizer que o perdi.

Eu o ganhei, agora numa nova dimensão, que é a verdadeira.

Deus com suas leis sábias e amorosas, permitiu que meu pai não ficasse num corpo que o aprisionava e lhe causava tantas dores. Após quase um mês de internação a libertação aconteceu.
Hoje ele renasce, ressurge, e se abre para uma vida nova

Eu e meu irmão estávamos com ele ao lado do seu leito, e o vimos seguir adiante cheio de paz.

Ele sempre desafiou a medicina. O câncer apareceu primeiramente no pâncreas e, mesmo após a cirurgia bem sucedida, seu médico lhe disse que teria uma sobrevida de apenas seis meses a um ano. Na melhor das hipóteses uns dois anos.

E isso foi há dezesseis anos. Primeira grande conquista de um triunfador.

Não se tratou de uma sobrevida sofrida, com dores e angústias relacionadas à recidiva da doença. Houve qualidade de vida e saúde estável.

Tempos depois surgiram os tumores no fígado.

A quimioterapia mensal não era agressiva, os cuidados e atenções dos médicos eram adequados e ele também viveu relativamente bem os últimos anos.

Complicações maiores vieram somente agora há dois meses, e em 02 de junho se tornou necessária a internação.

Após vermos os resultados do seu exame de tomografia computadorizada ficamos muito surpesos pois seu fígado estava repleto de lesões cancerosas. Era como se um verdadeiro aglomerado de tumores, como um imenso cacho de uvas, tomasse conta do orgão inteiramente, restando quase nada de tecido hepático saudável.

Mais um desafio à medicina. Não conseguimos compreender como ele conseguiu estar bem durante os meses iniciais deste ano numa situação como essa, sem dores, sem outras complicações, e é quase impossível imaginar que esse quadro tivesse apenas dois meses de idade.

Sempre bravo, sempre vitorioso.

Estamos todos bem, ele que partiu e nós que ficamos.

A fé na realidade espiritual, na vida pós-morte, na bondade infinita do Criador, e a certeza do reencontro, sempre nos alicerçaram emocionalmente.

Quero continuar a escrever aqui sobre descobertas e aprendizados que fiz ao longo de todos os dias em que estive com ele como seu acompanhante no hospital; compartilhar essas lições é algo que me ajudará muito e pode igualmente auxiliar outras pessoas.

Somos muito gratos a todos pelas preces, vibraçoes, e pelo carinho que recebemos.

E enviamos muitos abraços a todos.

Kau






9 comentários:

Paty disse...

Querido, que agora ele descanse em paz e renasça com um corpo saudável e cheio de alegria por ter cumprido a sua missão.
Muita paz pra vcs.

Marcia disse...

Amigo,Gracas a Deus que e muito misericordioso temos a oportunidade do conhecimento e esclarecimento dos ensinamentos de Jesus,atraves desta Doutrina maravilhosa,que nos conforta.E a Vida Continua.Mesmo assim lidar com a passagem,para nos e claro ainda e muito dificil,a dor e a saudade e inevitavel.
Quando soube da noticia,fiquei sem palavras para escrever a vc naquele momento.Mas sabemos que nossas preces e vibracoes, foram atendidas e que ele foi em paz amparado pelos Amigos Espirituais e vc resignado.
Agradecemos a Deus,por nos proporcionar o merecimento de ter vc em nossa vida.Uma pessoa tao especial(iluminada) como vc,que a cada dia a cada momento vivido,mesmo nao estando constantemente presente entre nos,consegue continuar nos transmitindo conhecimento,motivacao, exemplos de resignacao.
Amigo vc nao somente e importante, mas e essencial.
Que o nosso Amado Amigo Mestre Jesus ,te ampare,de a forca e a luz necessaria nos momentos de saudade,para que vc continue sua caminhada,levando o seu amor,o seu exemplo e a sua motivacao a todos nos.
Receba o nosso Abraco Fraterno com muita paz, a vc e a sua querida familia.

Marcia Almeida e Thays.

Judite disse...

Kau,amigo meu,muita luz para seu pai e muita paz para você e seus familiares.

alina disse...

Sabe Kau, lendo o que vc escreveu senti sua sensibilidade, sua conscientização e vejo que vc é forte e corajoso como o seu pai que enfrentou tudo tão dignamente.
Paz e luz pra vc e sua familia.

Vickymaia disse...

Kau...vim rapidamente conhecer seu Blog e fiquei comovida com os relatos sobre o seu pai e também pela serenidade na sua forma em encarar tudo isso...parabéns...é confortante ter essa certeza que um ente querido e tão próximo esta bem onde que que ele esteja. Você é um pessoa especial e estou feliz em conhecê-lo. Vou ler seu livro e depois te escrevo.
Um abraço
Vicky Maia!

Aurivan Sérgio disse...

Amigo Kau,

Meus sentimentos.

Descobrir hoje seu blog, em um dia que estive um pouco pertubado emocionalmente.

Ao ler, cuidadosamente cada texto, mergulhei neles como se "comesse" cada letra escrita, admirado e feliz com cada frase por você "pintada" em um quadro real, verdadeiro, intenso, com cores vivas e alegres que relatava uma bela aquisição, teu Pai!

Resignificar me parece ser o caminho ao qual devo mergulhar, com todas minhas forças, a fim de que possa superar meus momentos que vivo atualmente.

Obrigado por compartilhar seus sentimentos mais intimos, pois eles me ajudaram a refletir sobre meu momento atual e a ver mais opções que posso escolher.

Muita iluminação para você e toda sua familia.

Abraços fraternos,
Aurivan

Simone disse...

Nunca consegui expressar meu desapego com tamanha sabedoria... creio ter muito o que aprender contigo...

kaumasc@yahoo.com.br disse...

Meus bons amigos, expresso a todos minha gratidão!
Lindas palavras essas que dirigiram a mim e a minha família. Estamos todos bem agora. Aliás, acredito que esse é o maior desejo do meu pai e ele estará feliz nos vendo felizes. O tempo é o maior amigo e um grande remédio. Abraços a todos, com muito kaurinho!

Anônimo disse...

Sinto muito maravilhoso texto, não teve como não se emocionar eu procurava uma mensagem para meu pai que tambem faleceu e encontrei essa, ja fazem 4 anos que ele partiu mas a saudade ainda é grande